Aprenda a lubrificar o seu Cardan

Acredite, no longo prazo o atrito é o pior inimigo da sua máquina

Nem sempre é possível identificar a falta de lubrificação, na maioria dos casos ela é identificada quando o sistema já possui folgas significativas. Conheça a forma e os locais corretos de lubrificação para garantir o melhor funcionamento da sua transmissão.

O ponto principal é a lubrificação das partes móveis do Cardan: cruzetas, ponteiras e luvas, que deve ser feita de acordo com a recomendação do fabricante e com a graxa adequada. Sabemos de alguns casos onde, principalmente em postos de abastecimento, é usado graxa de chassis, mas é essencial usar graxa de sabão de lítio do tipo EP 2 (Extrema Pressão com grau de consistência 2), que é resistente à temperatura e à lavagem com água.

Devemos evitar principalmente os produtos à base de silicone, as graxas grafitadas e aquelas desenvolvidas para chassis, que asseguram apenas proteção superficial deixando a cruzeta com falta de lubrificação, diminuindo a durabilidade. Deixar o eixo Cardan “a seco”, ou seja, sem lubrificação, ou mesmo usar um produto inadequado provoca o desgaste prematuro dos componentes móveis, e o seu equipamento pode quebrar e precisar de manutenção corretiva.

A utilização do veículo influencia nos intervalos de lubrificação. Se o veículo circula na cidade, o ideal é engraxar a cada 10 mil km ou um mês de circulação. Em uso rodoviário, os prazos podem ser maiores: até 20 mil km ou três meses, o que ocorrer primeiro. Em aplicações severas ou fora de estrada, a lubrificação deve ser feita a cada 15 dias.

Outra dica: não adianta colocar graxa em abundância na parte externa do Cardan. O ideal é bombear o lubrificante novo até que ele saia pelas borrachas de vedação, retirando o excesso com um pano limpo. Conheça na figura acima os pontos de lubrificação corretos no seu Cardan.

Caso isso não seja feito, os resíduos de graxa poderão acumular sujeira, o que acelera ainda mais o desgaste das peças móveis. A graxa precisa completar o Cardan até ser expulsa pelas quatro capas da cruzeta. Verifique se os anéis de vedação das cruzetas e da luva estão exercendo sua função, vedando de forma correta.

Se você tentou purgar a graxa e alguma capa não sinalizou estar completa, basta desapertar um pouco o sistema de fixação e tentar novamente. Nos sistemas com engraxadeira o funcionamento é o mesmo, portanto tenha certeza de que aplicou lubrificante suficiente para garantir a durabilidade do seu eixo.

Somos especialistas em sistemas de transmissão e recomendamos que você faça a manutenção preventiva dos cardans sempre que possível. Agende uma visita!

Saiba mais sobre sistemas de transmissão

Receba promoções e novidades por e-mail

Muito obrigado, prometemos enviar apenas informações relevantes!
Oops! Confira seus dados...
Prometemos enviar apenas conteúdo útil para seu dia a dia!

Cardans Carpel | Fabricação, Manutenção e Componentes para Cardans

Av. Dr. José Ortiz Patto, 2375
Res. Sítio Sto. Antônio
Próximo à Dutra e ao Distrito Una
Taubaté -  SP

Email: comercial@carpel.ind.br
Telefone: (12) 3608-5742
Whatsapp: (12) 9 9754-7632

​Horário de funcionamento:
2ª a 5ª-feira das 7:30 às 17:30
6ª-feira das 7:30 às 16:30​

Temos estacionamento!
Aceitamos crédito e débito:

Aceitamos cartões de crédito e débito VISA e MasterCard
Grimpo Comunicação, atraia mais clientes através da internet. Criação de Sites, Marketing Digital e mais serviços pensados para aumentar seu faturamento.
© 2017, Carpel Sistemas de Transmissão |